De HQ para card game: confira o universo de The Tea Dragon Society!

É fácil se perder na docilidade das páginas de The Tea Dragon Society. As cores terrosas, as personagens mágicas e a história reconfortante fazem a gente parar um pouco para suspirar. Não é por pouco: os desenhos de Katie O’Neill, escritora e ilustradora da história, são incrivelmente agradáveis – brilham os olhos e tranquilizam o coração.

Dragões, memórias e muitas xícaras de chás fazem parte da graphic novel, que concorre a duas categorias no Eisner Awards de 2018, o Óscar dos quadrinhos. Agora, a HQ ganhou seu próprio card game, que será lançado ainda no primeiro semestre deste ano nos EUA. As cartas são lindas, o jogo é fofo de doer e a ilustradora, que vive na Nova Zelândia, tem talento para dar e vender.

E aí, quer saber mais sobre essa história incrível? Confira o nosso post a seguir!

Uma história de fantasia para todas as idades

The Tea Dragon Society é um conto de fantasia sobre Greta, que vive em um mundo onde humanos possuem características de animais e pequenos dragões fazem parte de suas vidas. Em uma ida ao mercado da cidade, a garota acaba salvando uma dessas criaturas de cães selvagens e descobre que elas são mais do que especiais.

De seus galhos, nascem folhas que são utilizadas para produzir chás. E essas infusões são mágicas: um Dragão de Chá têm o poder de compartilhar as lembranças de seus donos com outras pessoas que consomem essas bebidas. No decorrer da história, Greta faz amizades, aprende sobre a antiga arte do cultivo de Dragões de Chá e conhece um pouco mais sobre si mesma e o mundo ao seu redor. A graphic novel ainda valoriza o artesanato tradicional e o sentimento de pertencimento a uma comunidade.

A gente só lamenta uma coisa: o conto é bem curtinho! Ficamos com a sensação de que o universo de The Dragon Society poderia ser muito mais explorado. Em entrevistas, Katie O’Neill diz que gostaria de compartilhar mais histórias sobre os dragões de chá. Agora resta esperar…

Um jogo criado para celebrar memórias

Em The Tea Dragon Society Card Game, os jogadores aprendem mais sobre os Dragões de Chá. No decorrer do jogo, é possível criar um vínculo com uma dessas criaturas, que cresce à medida em que você avança nas estações, criando memórias que serão compartilhadas para sempre.

teadragon

O baralho de cada jogador representa o seu próprio Dragão de Chá. Durante as partidas, é possível comprar cartas, desencadear efeitos e fortalecer suas posições. O jogo acontece ao longo de quatro temporadas: começando na primavera e terminando no inverno. No final do inverno, o jogador que tiver mais pontos é o vencedor.

theteadragonsociety3

Tea Dragon Society Card Game ainda não tem data de lançamento no Brasil, infelizmente.

E aí, você já conhecia a história de The Tea Dragon Society? Já ouviu falar no trabalho de Katie O’Neill? Conhecia o card game? Conte para nós nos comentários!

Queremos saber a sua opinião